sexta-feira, 13 de abril de 2018

Entrevista: Como ele (Marcelo Pinto, vulgo eu) encontrou no riso uma forma de lucrar

Boa tarde pessoal, tudo belezinha nesta sexta feria 13? Desejo que sim! A para começar bem este nosso final de semana, compartilho com vocês a entrevista que concedi neste Domingo ao final da minha palestra, para a simpática e divertida repórter Flávia Vargas do site Eu Sou Empreendedor que esteve cobrindo a Feira do Empreendedor Sebrae SP 2018. Aproveitem e compartilhem. Ficou muito legal!

Marcelo Pinto e o Riso terapêutico levado a sério - Sua história empreendedora: Como ele encontrou no riso uma forma de lucrar


segunda-feira, 2 de abril de 2018

MARCELO PINTO - O DOUTOR RISADINHA, PELO 5º ANO CONSECUTIVO PALESTRANDO NA MAIOR FEIRA DE EMPREENDEDORISMO DA AMÉRICA LATINA - SEBRAE 2018

Bom dia Pessoal, tudo certinho? Informo à vocês, em primeira mão, que já está definido o tema da minha palestra na Feira do Empreendedor do Sebrae SP. Será: "Quem Encanta os Males Espanta". Nela apresentarei 12 dicas de como encantar seu cliente e 5 exemplos de empresas encantadoras. Imperdível! Até lá!



sexta-feira, 9 de março de 2018

DOUTOR RISADINHA CELEBRARÁ A SEMANA INTERNACIONAL DA DIVERSÃO NO TRABALHO COM A PALESTRA "QUEM ENCANTA, OS MALES ESPANTA"

Bom dia pessoal! Depois do sucesso que foi a palestra de ontem no Dia Internacional da Mulher (08/mar) organizado pelo SEBRAE-SP Zona Norte, hoje convido à todos para participarem da minha palestra comemorativa à Semana Internacional da Diversão no Trabalho, que realizarei no evento organizado pela ACSP Centro para o início de abril/18. Segue o convite. Vagas limitadas! Espero por vocês! Abraços, Sorriam e Tenham um Excelente e Divertido Final de Semana


terça-feira, 6 de março de 2018

MARCELO PINTO CELEBRA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER COM A PALESTRA: “O UNIVERSO FEMININO E SUA RELAÇÃO COM A LUA, O HUMOR E OS NEGÓCIOS”


Olá pessoas risonhas, tudo bem? É com alegria que convido à todos para participarem do Fórum de Negócios “Você Super Poderosa”, organizado pelo Sebrae SP – Zona Norte, no dia 08 de março de 2018 (quinta feira), em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

E para minha realização, neste evento, estarei ministrando às 11hs, a inédita e exclusiva palestra “O Universo Feminino e sua relação com a Lua, o Humor e os Negócios”.


Para os nossos ancestrais, o poder da Lua era inquestionável, mas a sociedade moderna passou a trata-la com desrespeito, apenas como um grande e redondo queijo suíço. E com o riso não foi diferente. Tanto que ainda se considera que “a pessoa que muito ri, não tem juízo” e aqueles que não tem muito juízo, vivem no mundo da lua. São os lunáticos! Estão começando a perceber a relação?

Ninguém duvida que a Lua, pela sua proximidade com o nosso planeta, exerce uma forte influência sobre as marés. Sendo o corpo humano constituído praticamente pelos mesmos elementos da Terra (30% massa e 70% água), será que a Lua também não influencia nossos humores?  Sendo as fases lunares, tão bem definidas, poderíamos utilizá-las como uma referência para o planejamento de nossos projetos pessoais e profissionais?

Afirmam os especialistas que a Lua representa o nosso lado emocional e criativo (porção direita do cérebro), estando os seus ciclos correlacionados com os ciclos femininos! Então a Lua é Feminina, é Ying e risonha, ao contrário do que se imagina? Será, então, que pode ser este, também, um dos motivos pelos quais, as mulheres apresentam uma maior pré disposição para o riso, mais do que os homens?

Estas e muitas outras questões, serão abordadas durante essa dinâmica e curiosa palestra, que terá como objetivo, nos fazer pensar sobre diversos pontos que para muitos são misticismos, mas que para outros são plenamente reais, ou no mínimo possíveis. Enfim, com certeza, ao final da palestra, todos pensarão diferente a seu próprio respeito. É o que espero!

Aceitem o nosso convite! Nos vemos lá! 

Solicito à todos vocês que me ajudem na divulgação desta matéria e a tornarem-se SEGUIDORES do blog Espaço do Riso, para acompanhar tudo o que rola sobre os benefícios que o Riso e Bom Humor proporcionam à nossa saúde e relacionamentos pessoais e profissionais.


Sempre que precisar realizar eventos motivacionais, lembre-se de Marcelo Pinto – www.palestrantedobomhumor.com.br ! Desenvolvemos palestras e treinamentos criativos e com uma das melhores relações investimento x benefício existentes no mercado.

Abraços, SORRIA E TENHA UM BOM DIA ®

ATENÇÃO! O Espaço do Riso não têm como objetivo diagnosticar ou tratar qualquer tipo de doença ou problemas físicos. Os artigos do blog são extraídos da própria internet, jornais e revistas. "Eles não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas"

segunda-feira, 5 de março de 2018

DOUTOR RISADINHA FALA PARA A TRIBUNA DO ESPÍRITO SANTO SOBRE A IMPORTÂNCIA DO BOM HUMOR NO TRABALHO

Boooaaaaa Taarddeeee, pessoas risonhas! Tudo bem? Hoje compartilho com vocês uma matéria bem legal que foi publicada nesta Domingão (04mar/18) pela jornalista Verônica Aguiar no jornal A Tribuna do Espírito Santo, sobre a importância do Bom Humor no Ambiente de Trabalho. Confiram na íntegra:


domingo, 18 de fevereiro de 2018

DOUTOR RISADINHA RECOMENDA: DINHEIRO TRAZ FELICIDADE... ATÉ CERTO PONTO!


Olá pessoas risonhas, tudo certinho? Curtiram muito este Carnaval? Para celebrar este início de ano, compartilho com vocês uma pesquisa bem legal sobre a relação do dinheiro com a Felicidade. Ela foi publicada em 16/fev/18 no site português “zap.aeiou.pt” com o título: Cientistas descobriram quanto dinheiro precisamos para sermos felizes (e é surpreendente)”. Bóra lá!


Um novo estudo científico debruçou-se sobre a quantidade de dinheiro de que as pessoas precisam para se sentirem felizes. E as conclusões são surpreendentes, como admitem os próprios investigadores.

Uma nova pesquisa descobriu que há um limite máximo até ao qual ter elevados rendimentos é benéfico para um indivíduo, valor que está diretamente relacionado com o local onde se vive.

“Pode ser surpreendente, já que o que vemos na TV e aquilo que os publicitários nos dizem que precisamos indicam que não há um teto quando se trata de quanto dinheiro é necessário para a felicidade”, diz o autor principal do estudo, Andrew Jebb, citado num comunicado do Departamento de Ciências Psicológicas da Universidade Purdue, nos EUA.

Mas, na verdade, os dados desta pesquisa mostram que há um limite a partir do qual ter muito dinheiro pode ser prejudicial para o bem-estar das pessoas.

Os autores do estudo, publicado a semana passada na revista Nature Human Behaviour, recorreram aos dados do Gallup World Poll, inquérito mundial levado a cabo pela empresa de pesquisa de opinião norte-americana Gallup, relativos a mais de 1,7 milhões de pessoas de 164 países diferentes e com idades a partir dos 15 anos.

Estes participantes responderam a perguntas sobre o nível de satisfação, de bem-estar e sobre o poder de compra que gostariam de ter nas suas vidas.

Os resultados revelam que “o ponto ideal de rendimento ou de saciação se situa nos 76 mil euros para a satisfação geral com a vida e nos 48 a 60 mil euros para o bem-estar emocional”, destacam os investigadores.

A saciação é descrita por Jebb como “o ponto além do qual não se ganha mais felicidade” e a partir do qual “a satisfação diminui”. E de fato, “em certas partes do mundo, os rendimentos para lá da saciação são associados a avaliações de vida inferiores”, isto é, a uma menor satisfação global.

Os investigadores consideram que isto se explica pelo fato de o dinheiro suprir necessidades básicas, como pagar contas e comprar comida. Depois de cumprir essas metas, as pessoas são “impulsionadas por ganhos materiais e por comparações sociais que, em última instância, podem diminuir o seu bem-estar”, constatam.

Dinheiro é mais importante nos países mais ricos
O valor mais alto de rendimento, quanto à saciação global, foi detectado na Austrália e na Nova Zelândia, 100 mil euros. O nível de saciação mais baixo verificou-se na América Latina, com 28 mil euros. Na América do Norte, “o limiar para a felicidade é alcançado com um rendimento de 105 mil dólares” (mais de 84 mil euros).

Estes dados sugerem que “os rendimentos importam mais para indivíduos que vivem em nações mais ricas”, referem os autores da pesquisa. “As avaliações tendem a ser mais influenciadas pelos padrões mediante os quais os indivíduos se comparam com outras pessoas”, aponta Jebb.

Os autores da pesquisa não notaram qualquer diferença de gênero entre homens e mulheres, mas concluíram que “indivíduos com educação superior reportaram uma avaliação mais positiva da vida e do bem-estar emocional com um rendimento mais elevado” – circunstância que terá a ver com “as aspirações de rendimento” associadas a qualificações superiores, notam os investigadores.

Solicito à todos vocês que me ajudem na divulgação desta matéria, do blog Espaço do Riso e a tornarem-se SEGUIDORES para acompanhar tudo o que rola sobre os benefícios que o Riso e Bom Humor proporcionam à nossa saúde e relacionamentos pessoais e profissionais.

Sempre que precisar realizar eventos motivacionais, lembre-se de Marcelo Pinto – www.palestrantedobomhumor.com.br ! Desenvolvemos palestras e treinamentos criativos e com uma das melhores relações custo x benefício existentes no mercado.

Abraços, SORRIA E TENHA UM BOM DIA ®

ATENÇÃO! O Espaço do Riso não têm como objetivo diagnosticar ou tratar qualquer tipo de doença ou problemas físicos. Os artigos do blog são extraídos da própria internet, jornais e revistas. "Eles não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas"